Política Ambiental do FARCUME

A “FARO 1540” entidade organizadora do FARCUME: Festival de Curtas-Metragens de Faro, no seguimento dos seus princípios e objectivos e na qualidade de ONGA (Organização Não Governamental de Ambiente), desenvolve a presente Política Ambiental que consiste em:

– Procurar sensibilizar todos os participantes para a importância da defesa o ambiente e dos seus recursos naturais bem como para a defesa da  biodiversidade;

– Contribuir de forma efectiva para a melhoria da qualidade de vida do cidadão e de um desenvolvimento económico e social devidamente sustentável e equilibrado;

– Não estar associada a acções que estimulem ou incitem à desigualdade de direitos humanos ou a actos de maus tratos a animais;

– Procurar desenvolver procedimentos, acções e metodologias que visem a optimização dos recursos necessários à promoção e organização do evento, a redução de resíduos gerados e a eficiência energética;

– Promover o combate às Alterações Climáticas, tomando os devidos procedimentos para que o FARCUME seja um evento Carbono Zero através do seguimento escrupuloso do plano de Gestão Ambiental desenvolvido para o efeito e através da plantação de árvores autóctones em terrenos de aptidão florestal.